Arquivo da tag: novo

Duas mil e doze voltas ao redor do Sol*

Números. A humanidade sempre foi fascinada por números. E sempre quando há uma contagem cheia, daquelas de encher os olhos e entorpecer as mentes, nós, reles mortais, nos reverenciamos a elas.

100 gols feitos por um goleiro, 1000 gols feitos por um jogador, 10 assistências e 10 roubadas de bola. O primeiro aniversário, o décimo aniversário, o centésimo aniversário. Bodas de papel (1 ano), bodas de alumínio (10 anos), bodas de platina (20 anos).

Mas imagina só o quão esquisito seria se não tivessemos dez dedos e sim doze dedos nas mãos. Aí com certeza a nossa base principal de contagem não seria decimal e sim duodecimal e tudo seria multiplos de 12.

Você fez 100 gols? Lamento, pois isso só teria importância se você completasse 120. Você correu só dez quilometros? Por que você parou se o normal seria completar doze?

Enfim, da mesma forma que a comunidade científica determinou certos padrões para o Sistema Internacional de Medidas, a humanidade determinou que contagens cheias representam algo.

E que 365 dias representam algo.

365 dias representam um ano, eu sei. Sei também que esse tal de ano representa, mais ou menos, uma volta ao redor do Sol.

Mas para uns, 365 dias representam um início de uma nova vida, para outros, uma oportunidade de fazer coisas novas. Sejam milhares de pessoas algomeradas nas praias, ou em lugares simbólicos das grandes cidades interioranas para comemorar a virada de ano, aquela mística passagem do segundo 59 do minuto 59 da hora 23 do dia 31/12 do ano X para o segundo 0 do minuto 0 da hora 0 do dia 01/01 do ano X + 1, para todas representa algo.

Fogos de artifício são lançados, taças são brindadas, o primeiro beijo do ano é dado, o primeiro abraço do ano é dado, o  primeiro sorriso do ano é lançado. Por um segundo os países que estão no mesmo fuso horário que o seu são mais felizes. E depois de uma hora serão os países do fuso horário seguinte e por aí vai… Respostas podem variar, mas considerando que o fuso horário padrão tenha só 24 fusos, damos ao todo 24 “felizes ano novo”.

Veja bem, não existiria um momento mágico e sim 24 momentos mágicos que acontecem de hora em hora “no dia” primeiro de janeiro. E acredito eu, que nenhum dentre estes 24 momentos mágicos é mais importante do que o outro.

No fundo o que eu quero dizer é: você pode muito bem ter marcado esse dia primeiro de janeiro para ser um marco de mudança na sua vida. Contudo, não se esqueça de que não existe um momento certo para definir mudanças na vida, de começar uma nova dieta, de procurar um novo amor.

O ano pode ser novo, mas quem escolhe o seu destino e o momento das cartas serem jogadas é você. Não se prenda a datas para analisar o que foi de bom ou ruim na sua vida e muito menos se prenda a um único dia do ano pra começar algo.

Todo dia é dia de ano novo. Feliz ano novo. Ontem, hoje e sempre.

*voltas contadas a partir do nascimento de um cabeludo famoso. (tm Roberto Carlos)